CONSELHOS A QUEM PRETENDE SER MODELO
Certifique-se de que pode ser uma grande modelo. Este mercado não é para quem é mais ou menos. É só para as competentes.
Comece procurando sempre o melhor: a melhor escola de modelos, a melhor agência, o melhor mercado. Busque só os melhores. Se várias pessoas disserem que você não é adequada para a carreira, é melhor acreditar, a menos que tenha um bom agente que saiba por você. Mantenha a família envolvida em todas as etapas da carreira. É uma carreira curta. Depois de dez anos, a pessoa volta à vida normal. É importante se preprarar para este momento. Aprenda inglês para conduzir a carreira. Muitas meninas se perdem por não conseguirem se comunicar. Mandamento número 1: a primeira impressão é a que fica. Todos os dias você deve manter a boa aparência e também uma boa atitude para impressionar as pessoas. Você não terá a oportunidade de encontrar casualmente o editor da Vogue duas vezes. O mercado é volúvel, trata as modelos como objeto, e quando elas vencem na carreira, passam a ser tratadas de outra maneira. É importante a modelo não acreditar que o mundo também é um objeto. Elas precisam ter respeito para com as pessoas e para com elas mesmas.



CONSELHOS IMPORTANTÍSSIMOS AOS PAIS

Telefonar e estar sempre presente. Não acredite nunca que a filha é independente. Uma jovem de 16 anos, não importa o seu modo de viver, será sempre uma criança de 16 anos. - A presença dos pais é fundamental. Por exemplo, conheci uma mãe que toda vez que a filha mudava de cidade, ela ia antes e checava se estava tudo em ordem, enchia a geladeira e tefonava sempre. É raro ver pais presentes. - Não é na adolescência que os pais conseguem educar os filhos. A base vem antes, na infância, é ela que resolve tudo. Há modelos que desde os 14 anos vivem em Nova York ou na Europa sem os pais. É a educação de casa que garante a base para a vida.
Por Liliana Gomes   








Agencia de Modelos - Book de Fotos - Studio Fotos - Fashion - Books - Fotografos - Estudios Fotograficos